Tirando as teias de aranha

Olá, internautas, não tenho tido muito tempo para postar neste blog devido às tarefas da faculdade, mas hoje eu irei postar dois sonhos!

O primeiro sonho de hoje foi um sonho sonhado no dia 29 de Janeiro desse ano. Foi mais um sonho curto. Sonhei que outra vez eu estava nos Estados Unidos. Desta vez, eu fui na casa de um americano e lá eu fiquei sem fazer nada de interessante, eu só fiquei falando com o cara (não sei em que idioma) sobre alguns assuntos, mas nada muito estendido, foram diálogos curtos. Me lembro que eu vi pela janela uma moça jovem cujos cabelos eram vermelhos, eram cabelos muito lindos e que pareciam ser pintados. Mas o dono da casa me disse que aquela garota não era flor que se cheirasse, e ainda por cima, disse que ela era chata e que ela não batia bem da cabeça, além de pedir para que eu não falasse com ela. Mas a moça era muito linda, uma pena que ela era chata, segundo o que o dono da casa informou. Além de eu trocar umas palavras com o dono da casa, eu fiquei andando pela casa, que não era muito grande, era uma casa predominantemente de cor azul clara. Pela janela, eu vi aquela moça dos cabelos vermelhos abaixando a sua mini-saia e mostrando o seu lindo bumbum, era um bumbum muito bonito, mas tal gesto por parte da moça reforçou a idéia que ela não batia muito bem da cabeça. Além disso, lembro-me que, não sei por que motivo, eu fiquei atrás de um provador (desses que têm nas lojas de roupas, mas que ficava na casa do tal americano) e tirei minha roupa, depois eu pus a roupa de novo. E o sonho foi isto, nada de escalafobético.

O segundo sonho de hoje também foi um sonho curto. Eu tive este sonho no último sábado, dia 04/03/2006. Neste sonho, não menos babaca do que o anterior, eu estava numa fila para ir em um brinquedo em um parque de diversão que possuía apenas aquele brinquedo. O brinquedo era um barco que dava um passeio pelo lago. Fiquei na fila durante um bom tempo, estava bastante ansioso para chegar o momento de eu entrar no barco e passear pelo lago. E a fila era imensa. O cenário do lugar onde eu estava era meio “desenho animado”, não parecia real, parecia mais uma pintura. Depois de eu esperar bastante pela minha vez de embarcar no barco, finalmente chegou a minha vez. Mas, na hora que eu fui pagar a entrada no brinquedo, percebi que eu estava só de cueca. Fiquei furioso e disse: “Mas de novo eu sonhar que eu estou de cueca? Que droga!” ou algo mais ou menos isso. Neste momento, percebi que eu estava sonhando, pois já não era a primeira vez que eu sonho que estou só de cueca. Então, desisti de entrar no brinquedo e o sonho acabou, pois, como eu já sabia que eu estava sonhando, decidi acabar com o sonho.

Ainda este mês, pretendo postar pelo menos mais dois outros sonhos. Ultimamente, não tenho muito tempo para postar, por isso diminui o ritmo das postagens neste blog. Mas este blog sempre continuará a ser atualizado. Não pretendo aposentá-lo tão cedo, pois tão cedo não irei parar de ter sonhos curiosos!

E hoje é o Dia Internacional da Mulher, então, parabéns a elas, embora para mim, dia da mulher seja todo o dia, já que todos os dias do ano eu sempre continuo a admirá-las cada vez mais. Principalmente uma mulher em especial, que é a Mara, que agora já é mãe. Viva a mamãe Mara!

E até a próxima blogada! Beijos para as do sexo feminino!

Anúncios

Comente este post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s