Gisela e o vestibular

Olá, internautas! Hoje, eu vou contar um sonho que eu tive faz tempo. Eu queria contar um sonho sonhado essa semana, mas como eu não sonhei com nada nesta semana, tenho que contar sonho velho.

Sonhei com uma garota meio doida. Não me lembro seu nome (eu acho que nem perguntei para ela). Ela tinha cabelos curtos e pretos, usava uma roupa toda azul escuro, uma blusa de manga comprida e uma calça comprida e era alta, mais alta do que eu. Essa garota queria prestar o vestibular, mas os diretores da escola onde ela estudava não queria que ela prestasse. E toda vez que falavam para ela que ela não podia prestar o vestibular (não sei por que ela não podia), a garota começava a ameaçar o pessoal da direção da escola, gritando que vai prestar o vestibular de qualquer jeito. Para esfriar a cabeça dela, eu (que era amigo da garota) decidi sair com a garota para alguns lugares. Primeiro, eu visitei a casa dela, uma casa com algumas paredes de madeira e outras normais. Conheci a mãe da garota, conversei com a mãe dela (tomando cuidado para não tocar no assunto do vestibular, se eu tocasse neste assunto, a filha escutaria e teria outro ataque daqueles, gritando que iria fazer o vestibular de qualquer maneira) e a gente ficou lá por algum tempo. Depois, eu e a garota (que agora eu me lembrei do nome dela, ela se chama Gisela) fomos para alguns lugares (ou seja, fomos pra “night”). Fomos ao shopping, bares, parques de diversões, enfim, vários lugares que eu nem me lembro. Fomos até no Videokê, onde eu e ela, cantando juntos, tiramos uma nota muito boa. Ela vibrou bastante com a nota que nós dois tiramos. Foi um dia incrível. Após o Videokê, eu e a Gisela voltamos para casa. Posteriormente, Gisela e eu fomos à escola (estudávamos na mesma escola, que não era a minha escola da vida real). Chegando lá, o diretor da escola (que era o Afonso do Malhação, personagem interpretado por Giuseppe Oristânio) gritou: Gisela, você não vai prestar o vestibular! Então, a Gisela ficou muito irritada, mas muito irritada mesmo! Ela plantou bananeira e ficou apoiada por uma única mão, fazendo ameaças ao diretor. Ela disse exatamente assim: “Se pensa que eu não vou prestar o vestibular, saiba que eu vou prestar o vestibular quer você queira, quer não!” Me deu medo naquela hora. Fiquei com uma raiva imensa do diretor. Acho que ele não queria que a Gisela prestasse o vestibular porque ele temia que ela tivesse um ataque durante a prova, uma vez que ela não tinha uma sanidade mental perfeita. Mas para mim, aquele diretor era muito preconceituoso, isto sim. Se ela não deu ataque enquanto eu fui com ela na “night”, por que ela iria dar ataque no vestibular? No sonho, eu gostava muito dela como uma amiga, uma vez que naquela época eu ainda não havia conhecido a Mara e eu tinha bem poucas amigas.

O sonho termina aqui! Até semana que vem!

Anúncios

Comente este post!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s